Point Mini Chip Mercado Pago Vale a Pena?

A Point Mini Chip Mercado Pago foi criada para atender os empreendedores autônomos que querem aceitar pagamento por cartão.

Esse modelo funciona sem a necessidade de conexão com celular, pois ela vem acompanhada com chip de dados gratuito e com Wi-FI.

Além disso, ela não cobra taxa de adesão ou aluguel para que assim seja uma opção barata para quem quer investir uma máquina de cartão.

Nesse artigo vamos falar mais sobre ela para mostrar para você quais são as taxas cobradas, como ela funciona e quais são as características.

Ao saber essas informações você será capaz de decidir se ela vale a pena ou não para o seu negócio.

Características da Point Mini Chip Mercado Pago

Esse modelo do Mercado Pago é uma versão que não funciona com bobina, ou seja, ela não imprime o comprovante das vendas realizadas, mas permite que você possa envia-lo para o seu cliente por SMS.

Apesar disso, ela é uma máquina que aceita as principais bandeiras do mercado como, por exemplo:

  • Débito: Visa, Mastercar e Elo.
  • Crédito: Vista, Mastercard, Hipercard, Elo, American Express e Diners Club.

Como ela aceita diversas bandeiras de cartões as vendas consequentemente se tornam mais fáceis.

A Point Mini Chip Mercado Pago vale a pena para quem?

Esse modelo de maquinha de cartão de cartão é uma opção ideal para os trabalhadores que precisa de mobilidade no dia a dia, pois ela é portátil e funciona tanto com chip de dados como também com WI-FI.

Sendo assim, ela no uso diário permite que vendedor tenha mais rapidez para atender os seus clientes.

A Point Mini Chip pode ser usada por microempreendores, autônomos e pequenas empresas que querem começar a aceitar vendas por cartão.

É preciso ter conta bancária para receber o dinheiro das vendas?

A máquina não exige que você tenha conta bancária para receber o valor das vendas realizas, pois o valor fica disponível na Conta Digital do Mercado Pago.

Com isso, você pode fazer pagamentos, transferir o dinheiro para o cartão pré-pago e usar em compras ou sacar nos bancos 24 horas ou se preferir pode transferir o valor para alguma conta bancária.

Veja Também: MELHORES Máquinas de CARTÕES para seu NEGÓCIO 2021

Qual o preço da maquinha?

O preço para adquirir esse modelo de maquininha é acessível para que ela seja uma opção barata para os empreendedores e autônomos, ela está custando apenas 12x de R$ 11,90 ou 142,80 à vista com boleto ou cartão.

Nesse valor já está incluso o frete e ela será entregue em qualquer lugar do Brasil.

Entretanto, antes de comprar a máquina você deve saber quais são os prós e contras que ela possui.

Quais são os Prós e Contras

Assim como qualquer outro modelo de máquina de cartão a Point Mini Chip também possui Prós e Contras.

  • Prós: Não é necessário ter conta bancária, oferece cartão pré-pago, taxas baixas, chip multioperadora e conta digital.

 

  • Contras: Ela não oferece suporte 24 horas e não aceita cartões com tarja e não aceita voucher

Essa máquina é barata e oferece as melhores taxas para os seus usuários.

Quais são as taxas cobradas

As taxas cobradas são as mesmas das outras máquinas de cartão do Mercado Pago. Confira:

  • Para vendas no débito: 1,99%
  • Para vendas no crédito a vista para receber em 30 dias: 3,03%
  • Para vendas no crédito a vista para receber em 14 dias: 3,79%
  • Para receber na hora as vendas no crédito a vista: 4,74%.

Funcionalidades extras da Point Mini Chip Mercado Pago

Ao adquirir a máquina você além de facilitar as vendas para os seus clientes também pode aproveitar as funcionalidades extras que ela oferece.

  • Empréstimo

De acordo com o volume de vendas realizadas a maquinha permite que o usuário possa fazer empréstimos para investir no seu negócio. O valor pode ser até de R$ 50 mil e solicitação é online.

  • Pagamentos

Você pode usar a Conta Digital do Mercado Pago para fazer pagamentos de contas de luz, boletos e entre outros.

Conclusão

A Point Mini Chip vale a pena comprar porque ela é uma excelente opção para quem quer começar a vender por cartão crédito/débito.

Ela é uma versão barata e prática o dia a dia de um autônomo ou microempreendedor.