O que é o Pix: Novo Sistema de Pagamento

Você sabe o que é o Pix?

Atualmente muito se fala neste novo método de pagamento instantâneos que foi anunciado em fevereiro de 2020, tendo previsão para funcionamento em todo o Brasil a partir de novembro.

Esse sistema tem a promessa de facilitar as transferências e torná-las disponíveis durante todos os dias a qualquer hora, através de bancos de outras instituições financeiras.

Ele passou a funcionar em todo país a partir do dia 16 de Novembro 2020, porém os cadastros já podem ser realizados via aplicativo, internet banking ou nas agências.

Apesar ser o assunto do momento muitas pessoas não sabem o que é o Pix e como ele vai funcionar. Por isso, vamos explicar aqui.

O que é o Pix?

Ele é um novo sistema de pagamento digital criado pelo Banco Central, que utiliza a mobilidade dos smartphones como canal principal, de maneira instantânea e baixo custo.

O PIX funcionará por 24 horas por dia, sete dias por semana, garantindo que os seus usuários tenham interconexão entre os sistemas bancários.

Como o Pix vai funcionar?

Ele foi criado com objetivo de facilitar as transações financeiras, oferecendo para os usuários a possibilidade de pagamento de contas, recebimento de vendas e transferências de maneira simples e com baixo custo.

As transações bancárias para pessoas físicas serão simples e gratuitas, o usuário precisa apenas usar a sua chave de identificação ou QR Code para fazer um pagamento ou transferência.

Entretanto, para o uso comercial em empresas haverá taxas em casos vendas de produtos ou serviços, mas será mais baixo que pagam atualmente como, por exemplo, taxa de câmbio para uso de cartão de crédito ou para emissão de boletos de cobrança.

Como se cadastrar no Pix?

Como se Cadastrar no PIX

Para se cadastrar primeiramente os usuários devem criar uma Chave Pix. Ela que representará o endereço da conta do usuário nesse sistema de pagamentos.

Após criar a chave, a pessoa ou a empresa precisa fornecer alguns das quatro opções de identificação: E-mail, número de telefone, CPF/CNPJ ou chave aleatória.  

Depois desse procedimento o usuário poderá realizar as transações financeiras que precisar como, por exemplo, transferências, pagamentos ou recebimentos. Vale ressaltar que o cadastro e a utilização do Pix não é obrigatório para nenhuma pessoa.

O que os usuários devem fazer para começar a usar?

Para começar a utilizar esse método de pagamento os usuários devem ser cadastrar e criar uma chave no sistema oferecido pelas instituições financeiras.

Ao criar a chave de identificação não será necessário informar os dados pessoais como, por exemplo, conta corrente, agência e entre outras para realizar uma transação financeira.

Quem poderá usar o PIX?

Esse novo método de pagamento pode ser usado por pessoas físicas e jurídicas com conta-corrente, conta de deposito ou de pagamento.

Sendo assim, ele servirá com um prestador de serviço de pagamento para instituições financeiras.

O Pix é realmente seguro?

Sim. Esse sistema consegue ser mais seguro do que as transações realizadas com cartão de crédito ou débito porque utiliza diversos mecanismos de segurança do aparelho de telefone como, por exemplo, MEI único, geolocalização e biometria.

Veja Também: 5 Melhores Contas Digitais 2021

Diferenças entre Pix, DOC e TED

Mesmo com a chegada desse novo método de pagamento, os dois serviços DOC e TED continuaram sendo utilizados para fazer transferências entre contas.

O TED é a operação mais utilizada por permitir que transação seja concluída no mesmo dia e não possui limites de valores pagos.

Por outro lado, o DOC disponibiliza o dinheiro transferido apenas no dia seguinte e possui o limite de até R$ 4.999,99. Porém, os dois métodos bancários só funcionam em dias úteis.

Nesse sentindo, o Pix permitirá que as transações financeiras sejam realizadas a qualquer momento, independendo do dia ou da noite.

Sendo assim, os seus usuários podem fazer pagamentos, recebimentos e transferências nos finais de semana ou feriados.

Conclusão

O Pix é sistema de pagamento que promete melhorar a forma que as transações financeiras são realizadas.

São diversas vantagens que ele promoverá para os seus usuários, por isso as pessoas estão se cadastrando para que possam começar a utilizá-lo em breve.

1 comentário em “O que é o Pix: Novo Sistema de Pagamento”

  1. Pingback: Como Abrir um MEI: Requisitos e obrigações (2021)

Comentários encerrados.